marA equipe responsável pela implantação do programa ‘Cidades Digitais’ em Maricá iniciou na última terça-feira (06) uma expansão da rede de cabos de fibra ótica, que começou a ser instalada no mês passado. Através de emenda parlamentar do deputado federal e prefeito eleito do município, Fabiano Horta (no valor R$ 400 mil), a extensão dos cabos ganhou mais 24 quilômetros, quase o dobro dos 13 quilômetros iniciais, levando a rede a um total de 37 quilômetros. De acordo com Secretaria Municipal Adjunta de Assuntos Estratégicos, a expansão vai permitir que sejam beneficiados pontos e áreas mais distantes do Centro, como o novo hospital Dr. Ernesto Che Guevara, o campus do Instituto Federal Fluminense (IFF), em Ubatiba, e a área no entorno da Rua João Frejat (antiga Rua 13), na Barra de Maricá.

As obras de instalação da rede subterrânea de cabos começaram pela Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro. De acordo com a secretaria, a rede vai permitir acesso a softwares de gestão pública que podem ser utilizados gratuitamente pelo governo municipal e mais câmeras de videomonitoramento, além de pontos de acesso gratuito à grande rede para a população através de wi-fi. Além das praças Orlando de barros Pimentel, Conselheiro Macedo Soares e do terminal rodoviário (que formam o eixo de maior circulação do Centro), a área na Barra de Maricá onde ficam uma quadra poliesportiva e o estacionamento público, junto à ponte, passa a ser contemplada com um desses pontos de acesso. “Essa expansão leva a locais ainda mais distantes do que o previsto inicialmente e contemplando equipamentos públicos onde só iríamos chegar mais tarde, como a Escola Municipal CAIC Elomir Silva e o Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU). Além disso, é algo que deixa muito bem encaminhado o projeto municipal que queremos implementar no próximo ano e cuja licitação será nos próximos dias”, adiantou o secretário adjunto de Assuntos Estratégicos, Beto Bastos, referindo-se ao programa Maricá Digital.

A implantação do programa ‘Cidades Digitais’, iniciativa do Ministério das Comunicações que não terá custo para os cofres municipais, vai permitir que Maricá possa ter um rede ainda maior em 2017, com a expansão a ser proporcionada pelo programa municipal Maricá Digital, já previsto no orçamento municipal do próximo ano ao custo aproximado de R$ 6 milhões. Através dele, serão cerca de 240 quilômetros de cabos que vão chegar a todos os bairros da cidade, beneficiando cerca de 80 equipamentos públicos (como escolas, postos de saúde e outros) e 40 praças para o acesso da população.

 

Comentários

comentários

Deixe uma resposta