Detalhes

O Movimento Unificado de Estudantes de São Gonçalo se reuniu em passeata pelo centro da cidade unindo-se aos professores e funcionários da rede estadual que estão em greve desde o dia 7 de março. Os estudantes caminharam da prefeitura até a praça Luiz Palmier, onde os representantes das escolas fizeram uma plenária expondo as demandas das escolas e a sua insatisfação com o abandono da educação no estado do Rio.
Algumas reivindicações são:
Salas superlotadas;
Calor nas salas devido a falta de manutenção dos aparelhos de ar condicionado;
Merenda precária;
Ameaça de demissão aos terceirizados da limpeza;
Congelamento e atraso dos salários de professores e funcionários;
Diminuição dos salários com o aumento do desconto previdenciário.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta