Detalhes

O vereador Professor Paulo, realizou na tarde de ontem (15), um Audiência Pública sobre a Reforma da Previdência. Com a participação do economista José Luiz Fevereiro, para dar esclarecimentos sobre as medidas que foram apresentadas pelo governo federal.

 “O objetivo é acabar com a seguridade social, o direito do cidadão. E, implantar a capitalização e a seguridade social, como uma assistência social”, explicou o economista, José Luiz Fevereiro.

José Luiz Fevereiro falou também sobre a “nova revolução tecnológica”. “A mão-de-obra está sendo substituída por máquinas. Já tem uma loja em São Paulo sem funcionários. Os ensino a distância, usa 30 professores para transmitir para o brasil todo, antes eram mais de 300, entre outros casos. Muitas profissões deixaram de existir”, disse o economista.

 O advogado e ex-presidente da OAB-SG, Dr. José Luiz Muniz, disse que é contra a Reforma da Previdência e que o povo tem que ir para as ruas para impedi-la. “A Reforma só interessa aos bancos, não vai salvar o país. Isso é uma falácia. Devemos nos mobilizar para levar a informação para todos os trabalhadores, porque interessa a eles”, disse o advogado.

Já o estudante de economia do IBMEC e membro do Movimento Brasil Livre (MBL), Luiz Rogério, se disse a favor da Reforma. “É importante lembrar do déficit do município, da previdência.A Reforma é para salvar o país. A cada um trabalhador precisamos de cinco para sustentar o sistema”, disse o estudante.

Estavam presentes: o economista, José Luiz Fevereiro, vereador Professor Paulo, professora e Diretora do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação  (SEPE ), Maria Beatriz Lugão, membros do SEPE, e sociedade organizada.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta