Detalhes

Redução de infecções hospitalares e prevenção de doenças graves são alguns dos motivos que incentivaram a prática da Odontologia Hospitalar. No Complexo Luiz Palmier, no bairro Zé Garoto, um hospital municipal gonçalense,  já disponibilizava atendimentos cirúrgicos bucomaxilofacial, agora também oferece procedimentos em pacientes internados nas enfermarias e UTIs que apresentem alterações bucais. O projeto foi posto em prática no dia 18 de agosto, e tem capacidade para atender em média 30 pacientes por dia. 
  
Para que o projeto fosse implantado, dentistas atuantes na Atenção Básica do município participaram de cursos de capacitação e já estão atuando nas enfermarias e UTI do Pronto Socorro Central. A implantação da prática de Odontologia Hospitalar faz parte do Projeto de Lei 2776/2008, do então deputado federal e atual prefeito de São Gonçalo, Neilton Mulim (PR-RJ). Aprovado em outubro de 2013 por unanimidade pelo Senado Federal, o projeto torna obrigatória a presença de dentistas em todas as Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), assim como em clínicas e hospitais públicos e privados em que haja pacientes internados. 
 

Comentários

comentários

Deixe uma resposta