inflaçãoNesta sexta-feira, 8, o IBGE informou que a inflação oficial brasileira, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), fechou em junho com alta de 0,35%. Em maio, a inflação tinha ficado em 0,78%.

O mês de junho trouxe uma queda considerável das taxas de inflação, com o resultado fechado em menos da metade em relação ao mês de maio. E a inflação nos primeiros seis meses do ano, de 4,42%, ficou bem abaixo da taxa registrada em igual período de 2015, de 6,17%.

Alguns especialistas acreditavam que as taxas seriam de 0,37%, com as estimativas variando entre 0,32% a 0,44%. Como resultado, a taxa acumulada no ano foi de 5,09%. Nos 12 meses encerrados em junho, o IPCA acumula alta de 8,84%%, ainda muito acima do teto da meta estipulada pelo governo, de 6,5%.

De acordo com o IBGE dos noves grupos de produtos e serviços que compõe o IPCA, os únicos que registraram taxas maiores foram Transporte, que contribuiu com 0,10 ponto percentual, e Comunicação que passou que 0,01% para 0,04% no período.

Já os alimentos tiveram um impacto positivo de 0,18 ponto porcentual sobre a inflação, resultado de um aumento de 0,71% nos preços em junho (ante alta de 0,78% em maio).

Comentários

comentários

Deixe uma resposta